quarta-feira, janeiro 05, 2005

O fim de um mito urbano

Era mais ou menos consensual que a Inglaterra era a pátria do fair play. Na Premier League não havia casos, os árbitros não erravam premeditadamente, os jogadores não simulavam grandes penalidades, não se queimava tempo com falsas lesões. O próprio Mourinho suspirou por este estado de coisas numa conferência de imprensa em que amuou, ainda em Portugal. Pois bem, para mim, desde este lance do último minuto do MU-Tottenham, é oficial: esse mito acabou. Lá como cá, o apito (ou a bandeirola) é banhado a ouro. Lá como cá, a verdade desportiva leva banhada. Lá como cá, os títulos compram-se no supermercado. Lá como cá, não há castigo para quem erra. Lá como cá, quem não tentar fazer o mesmo passa por parvo. Lá (ena, destas ainda não temos por cá!), há guerras de pizas nos balneários. Lá como cá, há erros de arbitragem com influência no resultado. E muitos mais lá-como-cás haverá. É a chamada globalização? Shame on you!

PS – Riddle, eu ia recomendar-te para retirares dali do canto esquerdo a expressão «porque só é golo quando a bola bate na rede», convencido que estava de que bastava a redondinha passar totalmente a linha de baliza para o tento ser sancionado. No entanto, depois do último SLB-FCP e deste MU-Tottenham, sou forçado a concluir que és capaz de ter razão. E, assim sendo, o nome deste blog torna-se especialmente feliz.

3 Comentários:

Blogger Fitzx diz...

pq q em vez de compararem o lance do P.Mendes com o do Petit, pq n o comparam com o do Clayton há uns anos na luz ou com os 2 golos do Edgar em Belém?não convém,tvz?

5:42 da tarde  
Anonymous Anónimo diz...

hm talvez devido a uma coisinha chamada memória. eu não tenho essa memória, infelizmente.

6:07 da tarde  
Anonymous Anónimo diz...

Nesse jogo dos golos do Edgar, a rtp tinha uma coisa chamada imagens virtuais, que servia para se inventarem lances que fossem convenientes aos patrões das transmissões (vocês sabem do que eu estou a falar...). Por isso a rtp usou esse esquema para dizer que a bola não entrou.

Acontece que, para quem não se lembra, a SIC apresentou na altura versão contrária (favorável à validação do golo de Edgar) que o resto dos media, como sempre, tentaram ignorar.
Outra coisa: expliquem-me o porquê da sporttv só ter um ângulo para mostrar! Sim, porque será esse o argumento extra que prova que de facto a bola entrou mesmo, por isso mesmo a sporttv não mostrou as imagens que tem em sua posse e que não deixam margem para dúvida?

12:03 da manhã  

Enviar um comentário

<< Página Principal

Avalie-me!