terça-feira, julho 19, 2005

  • Jankauskas vai sujeitar-se a um período de experiência no Hearts. Arrisco a dizer que ainda dava um jeitaço ao Sporting. ao Sporting, ao V. Guimarães, ao Sp. Braga e isto partindo do pressuposto que o Benfica ainda vai contratar alguém para essa posição..
  • ONtem estive presente na primeira conferência de Imprensa de José Peseiro esta temporada. E tenho a dizer, mesmo não sendo grande fã do homem, que ele deu a melhor Conferência de Imprensa desde que está em Alvalade. Uma hora de conversa solta, segura, plenamente explicativa de tudo e mais alguma coisa. Realço a definição das características que ele pede para o central a contratar: «Quero um central com envergadura, agressivo e forte no jogo aéreo. Nós não jogamos na marcação, jogamos à zona, mas queremos um jogador agressivo e que, além disto, consiga jogar com quarenta metros nas suas costas, isto é um jogador rápido ou que se posicione bem. É mais difícil ser central no Sporting do que ser central noutras equipas portuguesas. Os nossos centrais, sistematicamente, têm pouca gente à sua frente para defender, temos de melhorar isso, e têm muito espaço nas suas costas para ser explorado pelos avançados». Esta explicação tresanda a futebol por todos os lados...
  • Minutos antes de Peseiro falar, Fernando Ferreira, o seu advogado, Garcia Pereira, e Rui Meireles, disseram aos jornalistas que estava sanado o conflito entre o antigo médico e o clube. Já não era sem tempo.
  • Tomasson foi ontem apresentado como jogador do Estugarda. O novo camisa Dez de Trapattoni disse apenas isto sobre o italiano: «É o treinador de clubes mais bem sucedido do mundo. Isso diz tudo.» Suponho que se Von Trap tivesse ficado na luz...
  • Pinto da Costa garantiu hoje que enquanto for presidente do FC Porto o nome do estádio não será vendido. Porque, como recordaram os Diabos Vermelhos no jogo com o Chelsea, a história não se vende. Não se vende, mas o dinheirinho faz falta. A bem dizer, tenho dúvidas sobre o tema.
  • O Alverca tem quatro jogadores e um treinador para disputar a Liga de Honra. Este não era o clube presidido por Luís Filipe Vieira?

8 Comentários:

Anonymous Anónimo diz...

O Estádio da Luz nunca teve oficialmente esse nome. Por isso, será sempre Estádio da Luz, independentemente do nome oficial que lhe derem. A história nunca será apagada e o que interessa é cair o dinheiro.

O processo é o mesmo da publicidade nas camisolas. Dentro de alguns (talvez muitos, mas há-de chegar o dia) anos parecerá uma opção óbvia e indiscutivelmente correcta do ponto de vista da racionalidade.

9:34 da tarde  
Blogger Rui diz...

Caro Ravelis,

Tambem eu acho que o Jankauskas seria um razoavel a bom reforço para o ataque do Sporting, uma vez que não há dinheiro.

Assim lá parece que temos de ficar com o Silva... não sei bem para quê.

10:54 da tarde  
Anonymous Anónimo diz...

Sobre o último ponto e para mostrar o meu fairplay inatacável como sportinguista apenas digo o seguinte:

Só não reconhece o bom trabalho que LFV está a fazer no benfica quem é cego! E só espero que ele deixe o benfica na mesma situação exemplar em que pelos vistos deixou o Alverca.

O futebol português agradece e os cegos dos adeptos do benfica tb.

11:23 da tarde  
Blogger hugo diz...

Para onde foi o milhão de contos do Mantorras?

12:36 da manhã  
Anonymous Anónimo diz...

Para quem ja teve contacto com alguns treinadores, Peseiro e Jesualdo são 2 experts na materia. Dá gosto ouvir as suas explicações sinceramente.
É muito futebol de facto!

11:05 da manhã  
Anonymous Anónimo diz...

A bola 24/11/1995.
Afinal o PC aprendeu com os mouros!

http://souportistacomorgulho.blogspot.com

11:33 da manhã  
Anonymous Anónimo diz...

A bola 24/11/1995.
Afinal o PC aprendeu com os mouros!

http://souportistacomorgulho.blogspot.com

11:33 da manhã  
Anonymous Goleador!!! diz...

Eu estou completamente a favor de venderem o nome do estádio pois eu tb nunca lhe chamei de Estádio da Luz para mim vai sempre ser a CATEDRAL o resto é conversa!

11:54 da manhã  

Enviar um comentário

<< Página Principal

Avalie-me!