terça-feira, agosto 23, 2005

Sporting OUT

  1. Aposto com quem quiser que, se não contratar mais jogadores, o Sporting não vai ser campeão em 2005/06.
  2. Por duas razões muito simples: não tem equipa nem treinador para isso.
  3. Em Udine, chegou a ser deprimente ver a desorientação da equipa portuguesa.
  4. Aquela defesa é um passador. O sistema de fora-de-jogo é uma fífia. O que vale ao Sporting é que os seus defesas são tão lentos que os árbitros auxiliares ainda se enganam muitas vezes. O Sporting vai sofrer muito esta época porque não tem defesa. Enakarhire foi substituído por Tonel, que nem sequer melhor do que o Hugo é. Tello (como é que este "caga-tacos" ainda está na I Liga?!) tem sido titular face à lesão de Edson.
  5. Luís Loureiro é uma autêntica amélia, parece um menino a jogar à bola. O homem nem sabe para onde ir quando o Sporting ataca. Tinha-o em melhor conta, mas não quero ter já uma opinião definitiva sobre ele, porque esteve parado e as invenções de Peseiro podem tê-lo prejudicado, a ver vamos. Para já, posso dizer fiquei incrédulo ao ver um trinco correr como se andasse de nenúfar em nenúfar.
  6. Rochemback e Sá Pinto estiveram miseráveis, digo eu, que até aprecio o futebol de ambos.
  7. Sobre Ricardo, no comments, não vá ele ler este blog por azar e ficar a pensar que até o BnR anda a perseguí-lo, quando já basta Portugal inteiro (como ele acredita), que não vai à bola com ele só porque decidiu embirrar com o keeper do Sporting. Portanto, digamos apenas que foi infeliz tanto cá como lá, mas continua a ser o melhor (o que não diriam os adeptos se fosse o Nélson ou o Tiago a comerem estas bombocas...).~
  8. Deivid=barrete? Aguardemos...
  9. José Peseiro - gostei sinceramente do discurso da véspera, quase me levou a acreditar que estava mais confiante, sereno e experiente. Enganou-me, o mister leonino, que pode ser muito boa pessoa (pelo menos parece), mas não tem estofo para orientar um grande. A histeria da época passada mantém-se na presente. Quando é que ele vai perceber que passa os seus nervos e insegurança para o relvado com os seus berros sem nexo?
  10. Que raio de táctica inventou Peseiro para ir a Itália? Loureiro, Roca, Moutinho e Sá Pinto tudo ao molho no meio campo com o Douala na esquerda e Liedson na frente? Por momentos lembrei-me da árvore de natal do Paulo Autuori. E depois o Loureiro recuava quando a equipa tinha a bola para permitir a eventual subida dos laterais mas o Rogério e o Tello (dp Edson) nem uma vez foram à linha?!
  11. O Sporting pode queixar-se do teatro de Iaquinta no lance do primeiro golo, mas isso é chão que já deu uvas. Aliás, não me lembro de Peseiro culpar os árbitros por qualquer deslize da sua equipa, honra lhe seja feita.
  12. Em suma, uma equipa que tem o Vidigal a jogar a médio direito deu 4-2 ao Sporting. Arrivederci Champions League.

9 Comentários:

Anonymous Anónimo diz...

Na primeira mão fala-se em injustiça. Não tardaram a aparecer os já famosos profetas de Alvalade com as tipicas tiradas "vamos lá ganhar", "eles lá têm de jogar mais aberto", e outras baboseiras...

Hoje viu-se. Nem cócegas fizémos àquela defesa.
Só não levamos uma goleada porque o fiscal de linha era mau e porque
tivemos mta sorte lá atrás.

É triste. É mesmo decadente.

O que me causa mesmo estranheza é que o SCP que se tem visto, não
consegue criar desiquilibrios À frente e por outro lado, não consegue ser consistente atrás (porque Douala não está sempre à linha?? Porque os laterais não vão mais apoiar??). Sem inspiração. Sem oportunidades de golo.

Já agora porque começa-se sempre com a equipa errada? Na primeira mão foi MGarcia em vez de Rogerio, agora é Sá em vez de Deivid/Pinilla?
PorquÊ tanto tempo só com 1 ponta de lança quando se tinha de recuperar 2 golos?
PorquÊ uma defesa de 4 homens que não marca em cima quando o adversário só tem 2 avançados?
Porquê uma defesa que se posiciona tão alto, deixando muito espaço pra contra-ataques?
PorquÊ tenho sempre a sensação que se está a jogar abaixo do que aqueles jogadores podem render?
Porquê tantos casos de indisciplina?
Porquê tenho a sensação que estes mesmos jogadores com outro treinador renderiam mto mais?
PorquÊ tenho sempre a sensação que se está a jogar abaixo do que aqueles jogadores podem render?

E na capoeira?? Este Ricardo já merece uma passagem pelo banco. Prefiro os tristes, mas humildes, Nelson e Tiago a jogar uns joguinhos pra demonstrar à vaca sagrada que não é o dono da baliza.

Vêm-me falar do futebol espectaculo e de golos. O futebol moderno e verdadeiramente competitivo não é assim. Não é assim que se ganham titulos. Não é assim que se ganham campeonatos. Quem não souber admitir

isto anda aqui só a vê-los passar.

Pra mim, uma equipa constroi-se de trás pra frente e não ao contrário.
E não vale a pena falarmos de posse de bola, de ataque, de movimentação ofensiva, etc etc. O que conta são as que entram.

Mas temos que ver que jogar com equipas italianas não é fácil.
Salvo erro, só FCP de Jardel deu luta ao Milan e o super FCP de Mourinho destruiu a Lazio. Somos mais fracos que os italianos e ponto final. O futebol
pragmático e tactico sobrepoem-se aos campeoes do futebol sem balizas.

Se calhar é melhor assim, porque se era pra ir lá apanhar tubarões da Europa e ser constantemente humilhado, mais vale ir pra UEFA jogar com AZ's, Feeynords e Boro´s e iludir os menos atentos, pensando que somos grandes!!!

Vejam os ultimos jogos do SCP:
Benfica, CSKA, Nacional, Udinese, Belem e Udinese.
5 derrotas e 1 vitoria cheia de sorte!!!

Só continuamos com este gajo, porque em Alvalade falta uma cultura de exigencia, que excelencia e predomina a cultura das vitorias morais.

É demais. Pesudo não é treinador para o SCP. Já o mostrou várias vezes.
Mas não é a melhor altura pra correr com este gajo. Temos de nos
aguentar até ao fim do ano esperando que tudo melhore.

A desmotivação vai cair sobre o plantel, mas
os campeoes veem-se nos momentos de crise e de dificuldade, e agora é a altura certa pra reagir. Depois da recuperação mental, temos de apostar na conquista do titulo, porque SLB e FCP são do nosso campeonato. Mas a continuar assim, infelizmente, cheira-me que com o adjunto da pior epoca do Real Madrid da ultima decada, a época anteve-se pior que a
triste epoca do ano passado...

Saudações Leoninas,

M Peixoto

11:16 da tarde  
Blogger boloposte diz...

O penalty não foi assinalado por Iaquinta se ter atirado para o chão. Iaquinta atirou-se para o chão depois de ter percebido que já não conseguia chegar à bola. E já não conseguia chegar à bola por causa da pantufada que levou de Ricardo. Penalty muito bem assinalado.

[Um abraço também para ti, pá!]

11:24 da tarde  
Anonymous André, o campos diz...

UM BENFIQUISTA A DEFENDER O SPORTING ou UM COMENTÁRIO SURREAL:

1) Que o Sporting é uma equipa com muitos altos e baixos, já não é novidade. Que ainda não é a melhor equipa portuguesa, está mais que provado. Mas, meus amigos lagartos, tenham calma...

2) Exigir a uma equipa "semi-roubada" que ganhe um jogo em Itália é tarefa quase impossível à partida. De qualquer das formas, e temo que tal como o meu SLBenfica, que diabo ia o Sporting fazer à Champions League? Perder 3 ou 4 jogos, e sair de cabeça baixa...

3) Quanto à ideia de que tudo está perdido, o Sporting não presta, etc: tenham calma, amigos lagartos. Deverei lembrar-vos que faz agora um ano o SLBenfica mamou 3 (TRÊS) do Anderlecht, e que acabou por ser campeão com o mesmíssimo treinador e os mesmíssimos jogadores?

4) Numa coisa concordo porque me pisa os próprios calos dos pés: Scolari, acorda, pá!! És tu o único que não vê os jogos do Sporting?!

11:38 da tarde  
Blogger Rotura de ligamentos diz...

Mesmíssimos jogadores, mais ou menos. O Paulo Almeida ainda jogou com o Anderlecht.

12:21 da manhã  
Anonymous Omar diz...

E o Carlitos foi titular em Bruxelas.

3:02 da manhã  
Blogger Pedro diz...

Só falta a SAD lagarta vender o Douala para lutarem, então, por um honroso 10º lugar....

De facto a lagartada é muito peculiar...dizem q practicam um futebol espectáculo, q jogam como o caraças, e outros elogios do género, mas depois estão sempre a cascar no Peseiro.Ó meus amigos ou uma coisa ou outra...
Decidam-se!!!

9:11 da manhã  
Blogger Superman Torras diz...

Mais uma vez o SCP pode-se queixar de duas das pessoas que são das mais importantes no (in)sucesso de uma equipa de futebol: o guarda-redes e o treinador. Cá fora, que é onde tudo começa, continuamos todos (para gáudio de uns e tristeza de outros) a assistir (divertidos uns, revoltados/desiludidos outros) às reacções do Peseiro quando as coisas não começam a correr de feição à sua equipa. Já tinham decorrido perto de 10 minutos após o penalty que deu vantagem à equipa italiana e ainda se via o ex-adjunto do Queiroz a barafustar com o 4º árbitro alegando que havia sido um mergulho do avançado italiano. Ora, e devido à recorrência destes exemplos, sou só eu que vejo que este tipo de atitude mais do que ajudar a equipa, traz-lhe dissabores, nomeadamente na imagem de intranquilidade que transmite para dentro do terreno de jogo?

No fundo até poderia acabar por ser um fait-divers desde que o rendimento da equipa acabasse por ser diferente, o que nos jogos importantes e decisivos tem sido tudo menos isso. E, lá está, tudo começa antes de os jogos começarem. Mais uma vez o Peseiro inventou, desta feita com a entrada do banalíssimo Loureiro para actuar atrás do trinco (!!) Rochemback, numa espécie de esquema com 3 centrais (?) que fazia com que, num jogo que precisava de vencer (!), o SCP se apresentasse com 5 defesas já que o Tello e o Rogério foram tudo menos defesas laterais ofensivos.

Depois e como o Sá Pinto pelos vistos tem lugar assegurado no 11, pese não se consiga ver ao certo o que é que ele dá à equipa, além da entrega ao jogo que ninguem lhe pode negar, mas que para um avançado (?) de uma equipa grande (?) é notóriamente escasso, havia alguem que tinha que saltar fora. Ora, o Deivid pouco ou nada tem demonstrado desde que chegou, e como o Doualla tem sido o melhor elemento do SCP neste inicio de época (deve ser por isso que está para ser vendido) e o Liedson ainda vive dos rendimentos acumulados dos anos anteriores, lá teve que ser o avançado vindo do Santos a encostar. O problema é que, ao fazê-lo, a equipa ficou somente com 2 hipóteses de marcar golos: ou através de jogadas individuais do extremo camaronês ou na sequência de lances de bola parada. Isto porque deste Liedson não se esperem grandes façanhas. Sendo que esta premissa se possa alterar desde que regresse o outro Liedson, aquele que comia a relva em toda e qualquer disputa de bola e que não descansava enquanto não a via (à bola) dentro das redes adversárias. Mas esse era o Liedson que pelos vistos lutava por um contrato melhor (noutro lado, porventura), e esse tem estado arredio.

E tantas linhas depois, ainda não consegui falar do Ricardo. E antes de fazê-lo ainda quero dizer que a frequência com que os avançados italianos se isolavam foi qualquer coisa de assustador (dependendo do ponto de vista, está claro), e como na análise às arbitragens não se pode dissociar o desempenho dos fiscais de linha (por muito que tentem dar a volta ao texto, nunca os deixarei de chamar desta forma, qual árbitros auxiliares qual carapuça!) do dos árbitros, não consigo entender muito bem como alguns adeptos/responsáveis sportinguistas insistem em culpar a equipa de arbitragem pela derrota do seu clube.

O penalty é forçado pois pese o contacto entre a perna do GR e do avançado seja indiscutivel, e sem ele o jogador italiano provavelmente chegaria à bola, no entanto a queda só se dá uns metros à frente pelo que se poderia admitir a não marcação do lance. No entanto não esqueçamos a quantidade absurda de foras de jogo mal assinalados pelos nossos amigos bandeirinhas (outra forma interessante de os apelidar, no fundo tudo é melhor do que 'árbitros assistentes') serviram perfeitamente para equilibrar a balança do deve e haver de ambas as equipas relativamente à equipa de arbitragem.

Falemos então por breves instantes do Ricardo. Exibição irrepreensivel, tal como já havia feito com o Belenenses, à parte um lance em cada um destes jogos. Infelizmente para ele, até porque é guarda-redes, logo não tem ninguem para lhe corrigir as falhas, foram lances que deram golos aos adversários e nos quais ele fica muito mal na fotografia. A grande esperança à qual ele se pode agarrar, isto se o conseguir fazer pois o mais certo é deixar escapá-la entre as escorregadias luvas, é que há quem diga que os melhores guarda-redes são aqueles que dão os maiores 'frangos'. Claro que mesmo quem tenha inventado este dito não estava a pensar em guarda-redes que o fizessem semana sim, semana não, mas isso já serão contas de outro rosário...


p.s como é que se diz falta de estofo em italiano?

12:25 da tarde  
Anonymous Anónimo diz...

A tatica foi aquela que o peseiro usou para chegar a final da uefa.

10:02 da manhã  
Anonymous Anónimo diz...

claro que não foi!!!

o douala jogou a extremo esquerdo e depois foi para a direita. só havia um ponta-de-lança, pois o Sá Pinto jogou recuado. e o trinco, luís loureiro recuou para central a partir de certa altura.

tens de aprender a ver futebol ó anónimo das 10.02 ;)

3:01 da tarde  

Enviar um comentário

<< Página Principal

Avalie-me!